10.31.2009

Rivalidade saudável



Pelo que estou percebendo, o clássico de hoje será um programa de família.

Sei de gente que vai com o avô, com o tio, com o primo, com a mãe, etc.

Muitos familiares meus, por exemplo, irão ao jogo, mas ficarão a mais de 100 metros de mim, por trás de grades e fileiras de policiais.

Quando será que poderemos avacalharmo-nos mutuamente durante a partida, e não só horas depois, quando finalmente pudermos nos encontrar?

Acredito que esse clássico é uma oportunidade perfeita pra começar a implantar algo nesse sentido.

Também não sei se essa minha opinião é de todos, mas talvez algo neste sentido deva começar a ser pensado.

2 comentários:

Thiago L. Bilck disse...

Correto Lucas. Aliás, achei interessantíssima a idéia do nosso rival,avaí,em destinar locais para as duas torcidas ficarem juntas.

André Sezerino - Resistência Avaiana disse...

Como eu queria que um dia o que está acontecendo aí nessa foto pudesse acontecer no Scarpelli ou na Ressacada... Rivais sim, inimigos jamais!

Abraço